Manoel de Oliveira recebe, aos 103 anos, prémio “Open Mind”

O cineasta Manoel de Oliveira recebe sábado, na quinta edição da Gala da Ciência, na Figueira da Foz, o prémio “Open Mind”, da Associação de Laserterapia e Tecnologias Afins.

A gala – cujo ponto alto é a entrega dos prémios “Seeds of Science”, os “óscares” com que o jornal “Ciência Hoje” distingue investigadores e divulgadores portugueses da ciência – abre com a homenagem ao cineasta de 103 anos, que se realiza no Ano Europeu do Envelhecimento Ativo.

O prémio “Open Mind”, oferecido pelas Faianças Artísticas Bordallo Pinheiro e pela Action Coach Porto, vai distinguir o cineasta pela “abertura mental que sempre demonstrou e pelo seu interesse no progresso e na tecnologia”.

O tema do prémio “Open Mind” para 2012 pretende chamar a atenção para a “grande necessidade e importância de desenvolver projetos intergeracionais, cruzando inovação e experiência em áreas diversas”, segundo uma nota de imprensa.

“Queremos chamar a atenção para a importância de as pessoas continuarem ativas, independentemente do bilhete de identidade. Manoel de Oliveira continua ativo, encontra-se atualmente a filmar em Guimarães”, disse à Agência Lusa o presidente da Associação de Laserterapia e Tecnologias Afins (ALTEC), António Lúcio Baptista.

O ministro da Educação e Ciência, Nuno Crato, preside à gala, que decorre a partir das 19:00 no Casino da Figueira da Foz, e que abre com a distinção a entregar a Manoel de Oliveira por Fernanda Matos, de 81 anos, que desempenhou o papel de Teresinha de “Aniki Bóbó”, o primeiro filme de ficção que o cineasta realizou, em 1942.

Entre os distinguidos este ano com os “óscares” da Ciência figuram Irene Fonseca, presidente da maior sociedade científica matemática norte-americana, que recebe o “Seed Consagração”, e o neurocientista Fernando Lopes da Silva, mundialmente conhecido pela sua investigação em epilepsia, galardoado com o “Seed Carreira”.

A ALTEC, em conjunto com a Syneron Candela, vai ainda conferir o prémio “Laser” à Sociedade Portuguesa de Dermatologia, entregando-o ao presidente da instituição, Américo Figueiredo.

Segundo o presidente da ALTEC, o objetivo deste prémio é “chamar a atenção para as boas práticas no uso do ‘laser'”, técnica que tem aplicação em quase todas as especialidades médicas, sendo a dermatologia uma das áreas na qual “tem tido uma grande aplicabilidade, com sucessos bastante grandes”.

A Gala da Ciência é um evento promovido conjuntamente pelo jornal Ciência Hoje, a Ciência Viva, a ALTEC e o Casino da Figueira da Foz.

É descrita como “uma festa da ciência e do empreendedorismo que junta várias gerações de cientistas e personalidades da cultura, premiando as personalidades nacionais que se distinguiram nas diversas áreas científicas”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s